Translate

25 de abril de 2012

Psicopedagogia - Cursos Interessantes

Simpósio Alfabetização Transtornos de Aprendizagem e Deficiência Intelectual

Dia 19 de Maio Horário: 08:45 às 17:30 Centro de Convenções da Unesa - Campus Rebouças Rio de Janeiro - RJ Programação: "Aquisição da Leitura e escrita - uma abordagem teórica e prática a partir da consciência fonológica" - Mariângela Stampa "A importância da Tecnologia Assistiva na Inclusão e alfabetização" - Drª Carolina Schimer (UERJ) "Matemática para Alunos com Autismo, Down e deficiência Intelectual" - Nádia Sotero "Alfabetização pelo método Léa Dupret - Processo silábico viso motor - José Luis Dupret "Transtornos de aprendizagem" - Drª Gabriela Dias (Santa Casa RJ) "Quando a Criança Começa a Aprender a Ler" - Talita Almeida (ABEM) "Ecologia Humana: ler e escrever a vida" - Sônia Eyer Jorás (ABEM) OBS: Para inscrições realizadas até 30 de abril GANHE um jogo "Tabuada Mágica" Descontos Especiais para grupos Inscrições: www.simposioalfabetizacao.com simposio@simposioalfabetizacao.com Tel: (21) 3264-4395/7400-8869 (novo)

5 de abril de 2012

MATERIAIS UTILIZADOS NA SALA DO MÉTODO TEACH: ideias para serem utilizadas no ensino de crianças autistas.

Recebi este link e achei muito interessante, então resolvi compartilhar.

http://www.juterapeutaocupacional.com/pdf/materiais.pdf

4 de abril de 2012

Aprovada no Senado a aposentadoria especial para deficientes

Proposta segue para votação final na Câmara dos Deputados e poderá beneficiar 24,6 milhões de brasileiros.
Veja infografia


O Senado Federal aprovou por unanimidade, na tarde desta terça-feira (3), o Projeto de Lei da Câmara (PLC) nº 40/2010, que concede aposentadoria especial para pessoas com deficiência. A proposta, que é de autoria do atual vereador de Belo Horizonte Leonardo Mattos (PV), ex-deputado federal, agora segue para votação final na Câmara Federal.

Em 2005, o então deputado federal Leonardo Mattos apresentou o Projeto de Lei Complementar (PLP) nº 277/2005, reduzindo o tempo de contribuição e a idade mínima para aposentadoria da pessoa com deficiência. A proposta regulamenta o artigo 201, §1º da Constituição Federal, que cria a possibilidade de diferenciação na concessão de aposentadoria aos beneficiários do regime geral de previdência social para os segurados com deficiência.

Após ser aprovado na Câmara Federal em 2010, o projeto recebeu o nome de PLC 40/2010. “Com ele (o benefício) vamos melhorar, consideravelmente, a qualidade de vida das pessoas com deficiência”, disse Mattos.

De acordo o Censo 2000 do IBGE, existem 24,6 milhões de brasileiros com deficiência. Para Leonardo Mattos, o projeto cumpre a máxima de que todos são iguais perante a lei, tratando de forma igual aqueles que são iguais e de forma desigual os desiguais.

O parlamentar afirmou que atualmente existem milhares de deficientes trabalhadores, os quais enfrentam diversas dificuldades diariamente, pois o trabalho das pessoas com deficiência é uma situação nova para a sociedade brasileira. “Até muito pouco tempo atrás nós eramos pensionistas e, agora, estamos sentindo o impacto da vida laborativa. Muitas pessoas com deficiência estão se sentindo na obrigação de aposentarem-se prematuramente por invalidez, pois não têm tempo de contribuição nem idade exigidos pela legislação”, destacou Mattos.

Fonte:http://www.hojeemdia.com.br

Simpósio Alfabetização Transtornos de Aprendizagem e Deficiência Intelectual

Dia 19 de Maio
Horário: 08:45 às 17:30
Centro de Convenções da Unesa - Campus Rebouças

Programação:

"Aquisição da Leitura e escrita - uma abordagem teórica e prática a partir da consciência fonológica" - Mariângela Stampa
"A importância da Tecnologia Assistiva na Inclusão e alfabetização" - Drª Carolina Schimer (UERJ)
"Matemática para Alunos com Autismo, Down e deficiência Intelectual" - Nádia Sotero
"Alfabetização pelo método Léa Dupret - Processo silábico viso motor - José Luis Dupret
"Transtornos de aprendizagem" - Drª Gabriela Dias (Santa Casa RJ)
"Quando a Criança Começa a Aprender a Ler" - Talita Almeida (ABEM)
"Ecologia Humana: ler e escrever a vida" - Sônia Eyer Jorás (ABEM)

OBS: Para inscrições realizadas até 30 de abril GANHE um jogo "Tabuada Mágica"

Inscrições:
www.simposioalfabetizacao.com
Tel: (21) 3247-8150/7879-4770 - Cariocas eventos

2 de abril de 2012

Mas, o que é autismo?

Algumas vezes temos que explicar de forma simples o que é autismo, aqui vai uma idéia de como fazê-lo:

Autismo faz com que essas pessoas sintam o mundo de forma diferente da maioria das outras pessoas. É difícil para as pessoas com autismo falar com outras pessoas e se expressar com palavras. Pessoas com autismo geralmente guardam seus sentimentos para si mesmos e muitos não podem se comunicar plenamente sem ajuda especial.

Eles também podem reagir ao que está acontecendo ao seu redor de forma inusitada. Ruídos normais podem realmente incomodar alguém com autismo -tanto que, muitas vezes, a pessoa cobre seus ouvidos.

Pessoas com autismo, frequentemente, não conseguem fazer amizade tão facilmente como as outras pessoas. Mas elas precisam de amigos tanto quanto você.

O autismo faz com que as pessoas se comportem de modo incomum. Eles podem balançar as mãos, repetir algumas palavras várias vezes, terem crises de birra, ou brincar apenas com um determinado brinquedo. A maioria das pessoas autistas não gosta de mudanças nas rotinas. Eles gostam de fazer as coisas sempre da mesma maneira. Eles também podem insistir que os seus brinquedos ou outros objetos sejam arrumados de uma determinada maneira e ficar chateados se são mudados de lugar.

Se alguém tem autismo, o cérebro desta pessoa tem um problema numa função importante que é dar sentido ao mundo. Todos os dias, seu cérebro interpreta as imagens, sons, cheiros e outras sensações que você experimenta. Se seu cérebro não conseguisse ajudá-lo a compreender essas coisas, você teria dificuldade para falar, ir à escola, e fazer outras coisas cotidianas.

Algumas pessoas autistas são pouco afetadas pelo autismo, e isso faz com que elas só tenham um pouco de dificuldade na vida, outras podem ser muito afetadas, de modo que elas precisam de muita ajuda no dia-a-dia.

Fonte (em inglês): http://kidshealth.org/kid/health_problems/brain/autism.html

Fale sobre o Autismo no dia 02 de Abril

 
Desenvolvido por MeteoraDesign.Blogspot.com | Contato